quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Antigo Eptáfio


E assim o dia se fez noite
A noite se tornou tão fria
O frio corta como o açoite
O açoite, que dor me fazia

E o dia surgiu tão nublado

De nublado se fez chuvoso
Chuvoso me deixou molhado
Molhado, triste, tão raivoso

Pois vi nosso amor terminado

Terminado, por tua insensatez
A insensatez me deixou chocado
Chocado pois brigamos de vez

E assim morreu em mim o amor

Amor que te dei com tanta ternura
Ternura que me pagas-te com a dor
Dor que levou o poeta a loucura...

Um dia verás a grande besteira

Besteira que fizeste por amigos
Amigos que falam só asneira
Asneira que te fez brigar comigo

E agora ficaras em tua solidão

Solidão que aos poucos te mata
E ao te matar, mata meu coração
O coração, aonde tu já não habita...

Nenhum comentário:

Postar um comentário