domingo, 29 de maio de 2011

Tenho tanto pra dizer




Tenho tanto pra dizer , muito a me desculpar – ou quem sabe ate pedir perdão . . .
Bom, tudo isso que me anda acontecendo, toda essa angustia disfarçada de fúria, toda essa distância que se formou entre nós, tudo isso graças a falta de compreensão, pelos seus medos e dúvidas – e porque não dizer  - por este seu sentimento vazio de amor ambíguo .

Não quero dizer aqui que sou inocente, pois não existe nem mesmo um culpado, as coisas acontecem, e quando acontece,  sempre nos pega desprevenidos – é quando uma simples palavra ou pergunta nos desperta o sentido, e meio que nos acorda de algo bom que estamos vivendo.
E a partir deste momento nos vemos muitas vezes – em um ponto  - uma encruzilhada ,  e sempre que estamos neste local, só fazemos escolhas, e ai começa toda a confusão.

Muitas das vezes também optamos por ficar como estamos, aquecidos no calor da certeza – até que abrimos os olhos e vemos o que perdemos.
Outras vezes nos vem a infeliz e triste certeza de que realmente podemos estar sozinhos  e incondicionalmente ferrados.
Não existe história sem fatos acontecidos, e acredito que estamos vivenciando  a trama amarga de um romance separados por décadas . . .

Não é fácil falar sozinho. . .
Imaginar o que se passa em outra cabeça – tentar se colocar na razão de outra pessoa – tentar entender a graça de uma escravidão sem a intenção de ser amado.
Se colocar no centro de uma petição por escrito de carinho imposta por outra pessoa levada a disfarçar ameaças – que na verdade não passam de fraquezas – muitas vezes vistas como por exemplo: __ “ se você não ficar comigo eu me mato . . . ou do tipo estou usando drogas para te esquecer” – simples fraquezas emocionais usadas intencionalmente para promover desculpas .

Pessoas racionais simplesmente sorriem e que dane-se -  pra que ficar com uma pessoa fraca, sem graça e que usa de artifícios para proteger o próprio ego ferido – foda –se toda essa angustia de se entregar , se doar de corpo e alma a quem precisa apenas de um bom psicólogo.
Então você pensa – não é bem assim, eu amo , e tudo de ruim que aconteceu nesta relação é culpa minha . . . – seguinte , você é mais doente do que a outra pessoa.

Por mais que se relacionar com as pessoas seja difícil, amor próprio é essencial.

Nem sempre quando uma pessoa não te dá a mínima, quer dizer que realmente não dá a mínima – na maioria das vezes quer dizer apenas – vou dar um tempo – e que regras para relacionamentos do tipo – se ele(a) não me ligar eu não ligo, ou do tipo, saímos rolou e não quero mais te ver – só atrapalham o real fundamento que é viver – aprender a entender seus sentimentos e os das outras pessoas, o que nos leva a literalmente ver de tudo  - de tudo mesmo.

Relacionamentos sim são janelas pra alma, por isso quando estamos namorando, casados ou simplesmente ficando, nos sentimos tão bem, estamos compartilhando nossas almas, emoções e frustrações , vendo com os olhos de outra pessoa o que realmente somos.
Agora, quando nos bloqueamos, estamos afastando intrusos – com medo de que nos façam sofrer , ou que nos faça enxergar facetas de nós mesmo que não queremos mostrar a ninguém, e muitas das vezes passamos tanto tempo fazendo isso que acabamos por criar armaduras.
E nada pode passar por ai, até que cansemos – o que hora ou outra vai acontecer – e ai? Será que todos são errados e somente eu estou certo(a) , em geral essa é a lógica em que se acaba por findar.
Quando isso acontece, eu prefiro a FILME TERAPIA, que consiste em assistir o mair numero de filmes possível em um único fim de semana, e principalmente comédias românticas, e um pacote que funciona muito bem são filmes como ( P.S EU TE AMO , TE AMAREI PARA SEMPRE , HITCH ,10 COISAS QUE EU ODEIO EM VOCÊ , COMO PERDER UM HOMEM EM 10 DIAS, MUITO BEM ACOMPANHADO, O CASAMENTO DE MEU MELHOR AMIGO, IMAGINE EU E VOCÊ , 3 VEZES AMOR, A VERDADE NUA,E SE FOSSE VERDADE,O AMOR NÃO TIRA FÉRIAS,O MELHOR AMIGO DA NOIVA E O MAIS RECENTE – AMOR E OUTRAS DROGAS) .

Sobrevivendo a essa bateria e sabendo ver nas entre linhas, você economizará anos de terapia, mas você além de assistir tem que realmente  prestar atenção – se coloque na pele de quem se ferra o filme inteiro mas se dá bem no final, tente imaginar o que levou o personagem a tomar atitudes e agir de acordo com que o escrito quis colocar no filme, assim você acabará por se acostumar a fazer algo que a maioria das pessoas esquecem quando estão gostando de alguém – pensar .

“ toda mulher tem a vida amorosa que quer ter ” – Muito bem Acompanhada

A vida não é feita dos momentos em que você respirou, mas sim dos momentos em que você perdeu o fôlego.” (Hitch-Conselheiro Amoroso)

"Ou você acaba com as ilusões, ou elas acabam com você." (O Som Do Coração)

"Para acertar, primeiro a gente precisa saber o que estamos fazendo errado." (As Melhores Coisas do Mundo)

"O que é verdadeiro volta?
Não. O que é verdadeiro não vai. O que é verdadeiro, permanece."  (Querido John)

"A gente precisa ter o coração partido algumas vezes.
Isso é um bom sinal, ter o coração partido, quer dizer que a gente tentou alguma coisa."                       
(Comer, Rezar, Amar)

"Em certo momento da sua vida você vai abrir seus olhos,
e ver quem você realmente é."  (A Menina no País das Maravilhas)

"Nós não podemos voltar. Por isso é tão difícil escolher. Nós temos que fazer a escolha certa. Enquanto você não escolhe, tudo permanece possível."   (Sr. Ninguém)

"Se eu tivesse um desejo, seria de que a sua vida desse a você o gosto da alegria que você me deu. Que você sinta o que é amar." (Waiting For Forever)

"Se amamos alguém e não dizemos, para que serve esse amor?" (Caminhos de Luz)

"Sou a mulher da sua vida, disfarçada de sua melhor amiga." (Smallville)

''Não quero chegar aos 90 anos, morrer e pensar que podia ter tentado!''
(S.O.S do Amor)
“ Eu tenho que fazer meu celebro parar de pensar em você”( Ele não esta a fim de você )

Lutar pelo amor é bom, mas alcançá-lo sem luta é melhor.

Agora, não é por que funciona para mim , ira servir pra você, mas tem dado certo a muito tempo, e se você começar a seguir este raciocínio se considere no estágio 1, e para você ter uma noção, já estou no 8 –o que não me torna perfeito e invulnerável, mas me tona mais suscetível a entender razões e porquês e a me sentir a vontade em falar sobre tudo, tudo mesmo.

“ Eu sou um merda desprezível , eu conscientemente sou assim , porque eu nunca liguei pra ninguém , ou pra nada , e acontece que todo mundo sempre aceitou isso em mim – então você , você nunca me viu desta maneira – eu nunca conheci ninguém, ninguém que achasse que eu era bom o bastante , até te conhecer – e você me fez acreditar também – então eu , infelizmente – eu preciso de você , e você precisa de mim – de alguém que cuide de você – todo mundo precisa – e olha , me deixa dizer , que em algum universo paralelo, sei lá, existe um casal como nós dois, só que ela é sensata e ele descomplicado – e no mundo deles só importa quanto dinheiro vão gastar, onde vão passar as férias , se vão ficar de mal humor naquele dia ou se vão se sentir culpados por terem uma empregada – eu não quero ser uma destas pessoas , eu quero nós . . . Você , Isto . . .” ( Amor e outras drogas )  

Imagine minha reação ao ver ali, na tela de um filme, retratada toda a minha angustia, vendo tudo que sempre quis dizer e não encontrava palavras, um alto relato de meus sentimentos vistos por uma perspectiva nova e diferente, isto é, do lado de fora, foi como se eu tivesse no filme e eu mesmo analisando minha atuação – sinistro  e libertador.

Há algum tempo, tenho acordado em paz, tenho acordado com um silêncio em minha cabeça – algo que me conforta por saber que estou certo , e a vida vai continuar apesar de tudo, e que o crescimento emocional vem com atitudes e relacionamento findados. Quebrar a cara, isso sim faz bem . . .